[ POLÍTICA ] Por Ícaro Olegário

A corrupção vai acabar!

Publicado em 10 de março de 2015

Luis Fernando Veríssimo costuma dizer que em alguns momentos de um país é preciso haver uma Força Moral. Ele dá como exemplo a questão da escravidão, onde a Força Moral foi a maior responsável pelo seu fim. Não vou entrar na questão filosófica dessa “Força”, pois recentemente assisti duas palestras, uma de Mario Sergio Cortella e outra de Clóvis de Barros, onde o tema foi levantado. Vão por mim, esse assunto está mais presente em nossas vidas do que imaginamos, se aprofundar nele aqui, transformaria essa coluna em um livro.
Obs.: Ainda não tenho competência para escrever um livro.

Tudo bem, admito, eu forcei a barra. A corrupção NÃO vai acabar!
Ou não!


 José Genoino Seria ousado demais dizer que a corrupção acabaria assim tão fácil, principalmente levando em consideração o atual cenário. Lava Jato, Aquário, Zumbi, Vista Mar, Véu da Irmandade, Trama, Terra Prometida, Super Dose, Ressurreição dos Mortos, Password e Nebulosa. Esses nomes criativos são de algumas das operações feitas pela Polícia Federal só em 2014, todas relacionadas a corrupção. ( Veja todas aqui   )

Desde o surgimento do Mensalão, nunca se falou tanto em corrupção no Brasil. Os casos atropelam uns aos outros, mal esfria um escândalo e logo aparece um bem pior. Este câncer contaminou todas as esferas e todos os poderes. Está Judiciário, no Legislativo, no Executivo, no PT, no PSDB e muitos outros partidos. Também é possível encontrar nos órgãos fiscalizadores, controladores e reguladores. E vejam só, até na Cruz Vermelha do Brasil é possível encontrar. Aliás, atualmente ela está ameaçada de ser suspensa por um caso de corrupção que desviou 25 milhões em donativos e repasses públicos.

Há quem diga que a existência da corrupção é culpa dos corruptores, outros preferem responsabilizar a própria população. Li um texto outro dia, onde a colunista queria afirmar que todos nós somos corruptos e por esse motivo existem políticos desonestos. A única falha dela é que exemplificou sua tese como todo generalista desse tema faz… coloca no mesmo nível pessoas honestas que pagam seus impostos e fazem questão de cumprir com suas obrigações, com pessoas que utilizam métodos desleais para tirar proveito de algo ou de alguém. Bom, nem todas as pessoas, políticos e policiais são corruptos. No ponto de vista da colunista e de várias pessoas que pensam igual a ela, é que ser hipócrita é pior do que ser bandido. Comparo esse raciocínio ao mesmo que diz que quando uma mulher usa minissaia é porque ela quer ser estuprada.

Voltando ao tema inicial...

Se a corrupção vai acabar ou não, ninguém pode dizer. Mas acontece que nossa atual indignação, desprezo e revolta é a Força Moral que tanto precisamos para mudar alguma coisa.

Aham... sei... Então onde estava essa tal de Força Moral quando reelegeram Fernando Collor e Maluf?

Ué, muito simples! Estava com boa parte dos milhões que não votaram neles! Ou pequena parte, isso é irrelevante, ninguém falou que esse processo seria em curto prazo.

A Força Moral, acabou com a escravidão e está acabando com o racismo; por causa dela não existe mais espaço para a ditadura, mas a cada dia que passa as mulheres conquistam mais o espaço que merecem; Ela já começou um processo contra a homofobia e contra a destruição do Meio Ambiente; se não fosse a Força Moral, ainda seria bonitinho ver animais sendo maltratados pelos circos e por seus donos.

Se ela é capaz disso tudo, porque não consegue dar um fim na corrupção?

Sim, a corrupção VAI acabar!
Ou não!



Comentários

Ícaro Olegário

Ícaro Olegário

icaro@jornalpress.com.br
Um olhar menos sisudo sobre a politica, sempre com uma pitada de ironia e deboche, buscando diferenciar a política da politicagem. Uma visão particular da guerra entre Coxinhas e Petralhas.

Compartilhe...