Os benefícios do abraço

Publicado em 19 de maio de 2017
Os benefícios do abraço Foto: Divulgação Os benefícios do abraço Fonte: Divulgação Os benefícios do abraço Fonte: Divulgação Os benefícios do abraço Fonte: Divulgação

A emoção que sentimos com um simples abraço gera benefícios para o próprio bem-estar. A força desse gesto está em sentir a proximidade do outro, reconhecê-lo como igual. A fraternidade e a comunicação generosa são algumas das características importantes que um abraço transmite. Uma psicoterapeuta norte-americana já dizia que nós precisamos de quatro abraços por dia para sobreviver, oito para nos manter e doze para crescer, definindo de forma clara a importância do abraço em nosso dia a dia.

“O segredo do abraço está no fato dele nos permitir relaxar e tirar um momento para oferecer sinceridade, amor e leveza na agitada rotina do dia a dia”,

Segundo a coach de inteligência emocional Inessa Franco, nós somos seres sociais com necessidade do reconhecimento de outro ser humano, mesmo que silencioso. “Quando damos um abraço e somos abraçados em troca, temos uma sensação de bem-estar e satisfação imediata, mas poucos sabem que, além deste sentimento de felicidade repentina, os abraços oferecem vários outros benefícios para a saúde física e mental”, conta Inessa.

Dentro de um abraço são promovidas conexões, nos dando a sensação de segurança e bem estar. “Além de terapêutico, esse simples ato de abraçar protege também dos efeitos da depressão, do estresse e da ansiedade. O hábito de abraçar pode ajudar até a melhorar a autoestima, transmitindo energia e coragem”, explica a coach.

Um abraço faz bem para o coração de diversas maneiras. Pesquisadores da Universidade da Carolina do Norte descobriram que, um breve abraço de 20 segundos pode contribuir na redução dos níveis de cortisol (que contribuem para o estresse). Os abraços diminuem os níveis de estresse e influenciam na redução da pressão arterial.

BENEFÍCIOS - Por vezes um abraço, ou um gesto amigo é a única coisa que uma pessoa precisa! Veja alguns benefícios de um abraço, de acordo com as dicas do site cuidadossaude.com/2016/04/beneficios-de-um-abraco/.

1. Aumenta os sentimento de compromisso e intimidade
Abraçar pode causar uma liberação de oxitocina do cérebro, fazendo-nos relacionar com o nosso parceiro. A libertação desse hormônio provoca um aumento dos sentimentos de compromisso e intimidade, ou seja, abraçar faz fortalecer o seu vínculo com a outra pessoa!

2. Relaxa o corpo
Abraçar faz com que nossos músculos relaxem, libertando a tensão do corpo. Abrace alguém para aliviar as preocupações do dia!

3. Alivia a dor
Abraçar liberta endorfinas, que aliviam a dor, aumentando a circulação para os tecidos moles. Isto remove os péptidos estimuladores de dor como bradicininas, por isso quando você estiver com dores, dê um abraço!

4. Aumenta a Empatia e a compreensão
Um abraço apaixonado permite a troca de sentimentos em todo o campo bioenergético gerado pelo coração, fazendo-nos sentir empatia com a outra pessoa. Isto constrói a confiança entre as pessoas sem conversar ou falar, por isso quando você quiser abrir o seu coração abrace alguém !

5. Alivia a depressão e outras doenças neurodegenerativas
Um abraço pode aumentar a produção de dopamina no cérebro, e pode até ser visto nos exames ao cérebro. Os níveis de dopamina são baixos em pessoas com condições como Parkinson e transtornos de humor como a depressão. Portanto, se você sabe de alguém que esteja deprimido, dê-lhe um abraço, e traga um pouco de alegria à sua vida.

6. Eleva o humor
Um abraço pode aumentar a produção de serotonina a partir do seu cérebro, o que melhora o seu humor e pode aumentar a sua auto-estima. Ao abraçar faz com que o cérebro liberte serotonina e endorfina nos vasos sanguíneos para criar prazer e nega a tristeza. Abraçar também resulta num melhor desempenho no trabalho e na escola.

7. Alivia o Sistema Nervoso
Abraçar equilibra o sistema nervoso, pois a pele contém uma rede de sensores de pressão que estão em contato com o cérebro através do nervo vago e eles podem sentir o toque. A resposta galvânica medida de alguém que recebe um abraço mostra uma mudança acentuada na condutância da pele. O efeito da humidade e da eletricidade através da pele durante quando se está a abraçar mostra um estado de equilíbrio da parassimpático do sistema nervoso que é conseguido através coerência psicofisiológica criado por abraços apaixonados. Por isso dê um abraço para equilibrar o seu sistema nervoso!

8. Alivia o stress
Abraçar alivia o stress, reduzindo os níveis de cortisol (hormônios do estresse) que circulam no sangue. Isso faz com que a mente fique mais calma. Isto ajuda a diminuir a hiperglicemia e diabetes mellitus induzida por cortisol. Quando o seu parceiro chegar a casa depois do trabalho, apenas dê um abraço caloroso para obter os beneficios de um abraço!

9. Melhora a saúde do coração e diminui a frequência cardíaca
Abraçar pode diminuir a frequência cardíaca como provado num estudo realizado pela Universidade da Carolina do Norte, Chapel Hill. No estudo, os participantes que não tiveram qualquer contacto com os seus parceiros desenvolveram um ritmo cardíaco acelerado de 10 batimentos por minuto em comparação com 5 batidas por minuto entre aqueles que tem que abraçar seus parceiros durante a realização do estudo. A diminuição da frequência cardíaca irá ajudar a diminuir a pressão arterial e doença cardíaca.

10. Aumenta o Sistema Imunitário
Dr. Shelden Cohen realizou um estudo de mais de 400 adultos saudáveis que foram entrevistados sobre sua percepção de apoio social. Eles descobriram que as pessoas que tiveram um bom apoio social e receberam abraços frequentes tiveram menos ou nenhuns sinais e sintomas de infecção. As pessoas que passaram por conflitos interpessoais e as pessoas que receberam menos ou até nenhuns abraços, no entanto, apresentaram diferentes sintomas e sinais de infecção. Por isso provaram que abraçar pode diminuir a hormona do stress que inibe o sistema imunitário e aumentar as hormonas e os péptidos que regulam o funcionamento das células do sistema imunológico. Agora já sabe, dê aos seus filhos abraços os manter saudáveis e aumentar o sistema imunológico!

11. Reduz a preocupação da Mortalidade
Um estudo publicado na revista Psychological Science revelou que os abraços reduzem a preocupação de mortalidade. O estudo também descobriu que, mesmo abraçando um objeto inanimado como um ursinho de peluche era suficiente para acalmar os medos existenciais do indivíduo. Além disso, imaginar que está a abraçar uma pessoa que você gosta pode fazer com que o cérebro a liberte serotonina, dopamina e endorfina, provocando sentimentos de felicidade e alegria. Isso também irá negar as preocupações de mortalidade, diminuindo os níveis de hormônio e do estresse, alterando a percepção do cérebro, e ao evocar emoções positivas. Por isso, não se preocupe, dê um abraço e tenha uma vida longa! Para concluir, um abraço pode fazer-nos mais confiantes e amáveis. Eles podem ajudar a fortalecer os nossos laços e podem abrir as portas para as profundezas de nossas mentes. Eles podem ajudar na criação de um sentimento de confiança entre as pessoas. Dê abraços e seja feliz!

HISTÓRIA - O Dia do Abraço, comemorado internacionalmente em 22 de maio, começou pela iniciativa de um homem australiano em 2004, o qual criou a campanha “Free Hugs Campaign”, onde distribuía gratuitamente abraços pelas ruas de Sydney para despertar a atenção das pessoas para a importância de um abraço. A ação foi amplamente divulgada na internet e o movimento ficou conhecido mundialmente, ganhando milhares de adeptos. De forma voluntária e coletiva, as pessoas vão às ruas no dia 22 de maio para abraçar




Comentários