[ ESTÉTICA ] Por Lucineide Pagano

Drenagem Linfática pós-operatório – Porque é tão importante?

Publicado em 01 de abril de 2016

Drenagem Linfática pós-operatório – Porque é tão importante? Manter alguns cuidados após a realização de uma cirurgia é fundamental para que a pessoa obtenha os resultados desejados. E é aí que a drenagem linfática entra como grande aliada.

A drenagem linfática é essencial no pós-operatório de algumas cirurgias, como a lipoaspiração e a abdominoplastia, tendo em vista que, após a realização desse tipo de procedimento cirúrgico a pessoa retém uma quantidade maior de líquido do que o corpo consegue drenar, resultando no inchaço local. Por isso, a drenagem é fundamental para ajudar a reduzir o inchaço e melhorar a circulação sanguínea, contribuindo até para aliviar as dores do pós-operatório e acelerar a cicatrização

A drenagem pós-operatória, deve ser feita no corpo todo para estimular a circulação linfática geral. Na área operada, o trabalho deve ser mais detalhado e direcionado, de maneira lenta e delicada com o intuito de diminuir o processo inflamatório provocado pela cirurgia.

Outro motivo do porque a drenagem linfática é essencial no pós-operatório é que ela diminui o processo inflamatório causado pelas cirurgias. Além da lipoaspiração e abdominoplastia, o tratamento de drenagem linfática também pode ser indicado após mamoplastia, prótese de mama, ritidoplastia, entre outros procedimentos cirúrgicos.

No entanto, alguns pós-operatórios também necessitam de um repouso nos primeiros dias, então é fundamental seguir as recomendações médicas sobre quando iniciar a drenagem linfática e quantas sessões são indicadas.



Comentários

Foto de Lucineide Pagano

Lucineide Pagano

coluna@jornalpress.com.br
Lucineide é uma esteticista que não para de estudar em busca de novos métodos para deixar as pessoas mais bonitas e de bem com seu corpo. Sua preocupação é com o bem-estar de cada um.

Compartilhe...