[ BEM-ESTAR ] Por Rosemarie Teixeira

Plano B

Publicado em 29 de abril de 2015
Plano B Foto: Divulgação

Em época de crise financeira internacional, cortar gastos é a palavra de ordem. Ainda mais, quando falamos de itens supérfluos, como cosméticos e tratamentos de beleza - mesmo que para muitas de nós eles tenham o status de produtos de primeira necessidade.

Correria, estresse, falta de tempo... Quantas pessoas você já ouviu reclamar disso? E você, quantas vezes também sente as consequências de sua própria correria? Os dias parecem cada vez mais curtos diante de tantos compromissos na agenda. Falando nisso, já reparou que até as agendas de papel agora apresentam mais espaço para compromissos? Se antes as páginas diárias terminavam às 17h, agora já vemos as linhas abaixo aumentarem, aumentarem... Tem gente que pede mais 24 horas no dia pra dar conta de fazer tudo. Mas a impressão é que no final das contas, as horas extras seriam preenchidas com mais e mais coisas para nos retirar energia!

Você tem reservado tempo para recarregar as energias gastas? Se a gente só gasta e não repõe, pode ter certeza de que uma hora o sistema vai dar pane geral. Começamos a ter falhas de memória, ficamos mais irritadas, ansiosas, com dores, sentimos sono na hora errada, desenvolvemos problemas de saúde, todos os nossos ciclos ficam alterados.

Atitudes simples podem fazer do tempo que temos um tempo de qualidade para nos tratarmos bem.

Um primeiro exemplo de um período que pode ser tirado só para você: seu banho. Sim, aquele hiato no tempo que muitas vezes você passa pensando nos problemas a resolver, nas contas a pagar, prestando atenção no que está acontecendo fora do banheiro... Esse tempo pode ser melhor aproveitado! Viva plenamente o seu banho. Começando por sentir a espuma de shampoo nos cabelos, massageando o couro cabeludo, sentindo a água escorrer, desembaraçando os fios com cuidado... Que tal aproveitar mais alguns minutos e esfoliar levemente a pele com uma bucha vegetal, que de quebra vai auxiliar na circulação dessas suas perninhas que vão te levar para cima e para baixo ao longo do dia? Viva cada sensação, preste atenção aos aromas, às texturas, às temperaturas. Estar presente é o princípio do estado meditativo e nos ajuda a descarregar as tensões. Começar o dia com um banho assim, com certeza, vai fazer uma boa diferença. E não precisa ser um banho de horas, basta fazer seu processo com maior consciência, aproveitando prazerosamente cada gesto. Lembre-se que economizar água é dever de todos nós. Um bem imensurável.

Ao ir para a rua, será que dá para mudar alguma atitude ao seu favor? Pense, sinta: Como posso me cuidar agora? Como posso contribuir para meu bem-estar? Se vai de carro, existe alguma trilha sonora que lhe promove mais leveza? Alguns aromas também podem ajudar. Um borrifador com óleo essencial de lavanda pode lhe deixar mais relaxada para enfrentar o trânsito enlouquecedor da cidade. Erva-doce, sálvia, camomila também são da mesma família relaxante. Vai de ônibus ou van e não suporta mais o estresse de ficar aguardando o trânsito fluir? Você pode aproveitar para fazer uma leitura agradável, retomar aquele romance ou aquele livro sobre temas que lhe promovam boas sensações e reflexões. O ônibus ou a van balançam demais e você não consegue ler? Um aparelho de som mp3, celular ou iPod com músicas relaxantes (mas se lembre de manter o volume mais baixo, para não causar problemas futuros) ou mesmo adotar uma postura de relaxamento e meditação podem ser bons elementos para se cuidar.

Ao fim do dia, as pernas doem, os pés latejam ou a cabeça parece não parar? Um hábito antigo, porém muito eficaz é o banho de escalda-pés. Água aquecida no fogão ou retirada do próprio chuveiro é colocada numa bacia que caiba os pés confortavelmente e pronto. Se quiser enriquecer o seu banho, pode acrescentar alguns desses elementos: sal ajuda na circulação; ervas como camomila ou erva-doce ajudam a acalmar (se não tiver como comprar as ervas, coloque sachezinhos de chá - mas não vá colocar açúcar nem adoçante!); canela e cravo ajudam a trazer mais energia. Tão simples como a sabedoria das avós. Massagear os pés antes de dormir pode ser outra ação prazerosa e relaxante para terminar o dia. Pode ser com seu creme hidratante comum, ou um óleo de massagem, ou um creme com base de arnica (também auxilia na circulação). Ah, já que começou a massagear, por que não dar uma atenção extra aos ombros e pescoço? Curta esse momento e faça dele um carinho especial para você.

O tempo da alimentação é mais claramente ligado à reposição das energias físicas, mas nem sempre aproveitamos esse momento da maneira mais saudável. Você tem sentido o sabor do que você come? Se só engolimos, nem sempre registramos que já estamos saciados. Sinta o sabor dos alimentos, aproveite mais um momento para se perceber e se centrar. Sentir o azedo, o salgado, o picante, o doce, o amargo, calmamente e fruindo o prazer dos sabores.

E se você quiser e puder, conheça todos esses momentos no Espaço Jequitibá. Não custa muito, cabe bem no seu bolso, facilitamos e você leva algumas dicas, para realizar os procedimentos em momentos de grana curta.



Comentários

Foto de Rosemarie Teixeira

Rosemarie Teixeira

coluna@jornalpress.com.br
Rosemarie é uma das proprietárias do Espaço Jequitibá e terá a missão de falar sobre tratamentos estéticos e alternativos que visam o bem-estar e a qualidade de vida de cada um de nós.

Compartilhe...

Espaço Jequitibá